16 de novembro de 2007

O NATAL ESTÁ CHEGANDO. CUIDADO!

A melhor época do ano está chegando: o Natal. E junto com ele toda aquela alegria, amor, presentes, comilança e... ABOBRINHAS! Isso mesmo! É nessa época que ouvimos as mais diversas histórias sobre o significado do Natal, a maioria delas originadas dentro das nossas Igrejas. É um tal de falar: a meia significa o pé do diabo entrando na sua casa, a árvore é pagã, os laços na árvore são laços do inferno... é claro que muita coisa pode até ser verdade, mas que muita coisa não passa de abobrinha, isso é verdade. Então, não saia acreditando em tudo que ouve. Pesquise nas fontes corretas e não saia lendo e acreditando em tudo que a Wikipedia diz. É uma ótima época para estar com os amigos, viajar e até quem sabe colocar uns enfeites diferentes pela casa. No meu caso estarei frequentemente colocando alguma coisa nova no banner. Afinal, é a melhor época do ano.

4 comentários. Comenta aí!:

Renato Cavallera disse...

eu sei.. essa época é uma $@!%#@$@, é muita baboseira...

deveriam fazer um cartaz do tipo: Procura-se: Papai Noel. Vivo, Morto ou vestido de EMO

!oRDaN disse...

POis é.
Natal = Papai Noel
Assim como Páscoa = Coelhinho da páscoa.

:(

Eduardo Madella disse...

amigo!

eu ainda leio!

e sinto falta qdo nao postas!

rs

abraços!

Ruben disse...

Cara achei muito legal a sua iniciativa de escrever sobre isso,pois infelizmente ainda hoje é comum ouvir muitas lendas e muitas abóbrinhas como essas em nossas igrejas.Mas eu gostaria de ti dar uma sujestão, para que vc fala-se sobre algo que também costuma acontecer em datas comemorativas como esta: a velha guerra entre "a Fé e o lado comercial". É incrivel como o mundo secular consegue ofuscar o verdadeiro significado de festas cristãs com algo comercial como papai noel e coelhinho da pascoa. Por que será que mesmo aqui onde dizem ser "o maior país católico do mundo" a midia fala muito mais sobre papai noel e coelhinho da pascoa do que sobre o nascimento do salvador e sua morte e ressurreição? poís é, acho vergonhoso que mesmo no dia em que comemoramos o nascimento de jesus os shoppings sejam mais procurados do que as igrejas. Na velha guerra entre fé e comérçio estamos perdendo feio!